Serra Gaúcha

Tudo dobre a Serra Gaúcha

Igreja Matriz, Gramado

Um pedacinho da Europa no sul do Brasil. A Serra Gaúcha é conhecida por suas paisagens naturais, o friozinho das montanhas, gastronomia rica, muito vinho. Formada por diversos municípios do Rio Grande do Sul, a região possui dois núcleos turísticos principais: na Região das Hortênsias estão Gramado, Canela e Nova Petrópolis. No Vale dos Vinhedos, ficam Bento Gonçalves, Garibaldi e Carlos Barbosa. Próximas uma da outra, separadas por cerca de uma hora e meia de carro, é possível conhecer estas duas regiões em poucos dias de viagem. Encante-se com esses cenários incríveis!

O que fazer


Noites gaúcha e alemã

Quer viver uma experiência típica na Serra Gaúcha? Comece com o passeio Noite Gaúcha, na Churrascaria Garfo e Bombacha, em Canela, com muito churrasco de costela assada na vala e show com músicas e danças típicas seguido de um baile. Já a Noite Alemã é realizada em Nova Petrópolis, com uma grande festa, com show de música, danças típicas e um jantar incluindo mais de 130 variedades de pratos.

Visite a Vinícola Jolimont, em Canela, onde poderá degustar vinhos, espumantes e sucos produzidos no local, além de queijos da serra. Depois visite o Alpen Park e o parque Vale dos Dinossauros.

Raízes coloniais

Tour Raízes Coloniais

Linha Nova e Linha Bonita ficam na área rural de Gramado, a 4,5 km do Palácio dos Festivais. O passeio às duas localidades inclui visitas à Casa Centenária, construída em madeira sobre um porão de pedras; ao Moinho Colonial Cavichion, do início do século 20; à Fábrica Marcon, onde se observa o processo artesanal de fabricação de erva-mate; ao Museu Fioreze, com relíquias dos imigrantes; e à Família Foss, onde se degustam pães, queijos e salames.

Voo de helicóptero

Viva uma experiência única ao sobrevoar Gramado e Canela em um voo panorâmico. Do alto, é possível avistar pontos turísticos como o Lago Negro, a Cascata do Caracol e a Catedral de Pedra. A partida é o Aeroclube de Canela.

Passeio Uva e Vinho

Em um passeio delicioso pela região da Uva e Vinho, você visita o Parque Epopeia Italiana, em Bento Gonçalves, que conta a história da imigração italiana com uma peça teatral que percorre cenários temáticos. Também visita a Vinícola Aurora, onde conhece as etapas de produção de vinhos, sucos e espumantes antes de degustar as bebidas. Um dos momentos mais charmosos é a viagem de maria-fumaça até Carlos Barbosa, com parada na estação de Garibaldi.

Nova Petrópolis

Nova Petrópolis

Mergulhe em uma mescla de natureza, cultura alemã e compras nesse passeio a Nova Petrópolis, cidade localizada a 35 km de Gramado. Entre as atrações estão o Parque Aldeia do Imigrante, com Jardim da Cerveja e arquitetura enxaimel, o Labirinto Verde da Praça das Flores, um jardim de cercas-vivas, o Armazém da Rosa Mosqueta, com chás, geleias, óleos e cosméticos produzidos com a flor, e o Outlet Dakota, de sapatos.

Cânion de Itaimbezinho

Cânion de Itaimbezinho

O cânion tem 5,8 km de comprimento e 720 metros de profundidade e fica localizado no Parque Nacional de Aparados da Serra, em Cambará do Sul, a 107 km de Gramado. Para chegar à atração, é preciso uma caminhada de intensidade média de 3 km pela trilha do Cotovelo.

Cânion Fortaleza

Cânion Fortaleza

O cânion fica no Parque Nacional de Serra Geral, localizado em Cambará do Sul, a 130 km de Gramado. Seu nome se deve à aparência de suas paredes, que são verdadeiras muralhas de 7,5 km de extensão e 1.240 metros de altitude. Para ver a paisagem do ponto mais alto é preciso percorrer a Trilha do Mirante em uma caminhada de uma hora em terreno íngreme que exige um pouco de preparo físico. Depois, explore a Trilha da Cachoeira do Tigre Preto e a Pedra do Segredo, bloco de 30 toneladas equilibrado em uma base de 50 cm.

Lago Negro

Lago Negro

Todo margeado por árvores provenientes da Floresta Negra, na Alemanha, o Lago Negro foi construído por Leopoldo Rosenfeldt após um incêndio que destruiu uma grande extensão de mata na região, que na época era conhecida como Vale do Bom Retiro.

Mini Mundo

Esse parque reúne miniaturas de castelos europeus, estações ferroviárias, igrejas, conjuntos de casario, aeroportos e metrôs. São quase 140 construções de vários portes, desde as mais contemporâneas, como o Aeroporto de Bariloche, na Argentina, até prédios mais antigos, como o Castelo de Neuschwanstein, na Alemanha.

Mundo a Vapor

Mundo a Vapor

Esse parque temático lembra a época em que as indústrias utilizavam a energia térmica. Assim, expõe réplicas em miniatura de siderúrgicas, olarias, serrarias, ferrarias, moinhos de vento, usinas termelétricas, hidrelétricas e a “menor fábrica de papel do mundo”.

Catedral de Pedra

Igreja Matriz, Gramado
Catedral de Pedra

Um pedacinho da Europa no sul do Brasil. A Serra Gaúcha é conhecida por suas paisagens naturais, o friozinho das montanhas, gastronomia rica, muito vinho. Formada por diversos municípios do Rio Grande do Sul, a região possui dois núcleos turísticos principais: na Região das Hortênsias estão Gramado, Canela e Nova Petrópolis. No Vale dos Vinhedos, ficam Bento Gonçalves, Garibaldi e Carlos Barbosa. Próximas uma da outra, separadas por cerca de uma hora e meia de carro, é possível conhecer estas duas regiões em poucos dias de viagem. Encante-se com esses cenários incríveis!

Cascata do Caracol

Cascata do Caracol
Cascata Caracol

A Cascata do Caracol se lança em queda livre de uma altura de 131 metros, formando uma paisagem impactante. O visitante tem uma visão incrível da cascata do alto dos bondinhos do Complexo Turístico Parques da Serra, que passam por três estações.

Ar Livre

Vinhedos e passeios na Serra Gaúcha

Vinhedo em Bento Gonçalves
Vinhedos da Serra Gaúcha

A Serra Gaúcha tem diversas vinícolas na região conhecida como Vale dos Vinhedos. Algumas das principais localizadas na cidade de Bento Gonçalves e as mais famosas estão Aurora, Salton, Miolo e Casa Valduga. Em passeios guiados pelas vinícolas você pode degustar e comprar vinhos, além de admirar as paisagens. Outro passeio que vale muito a pena é de Maria Fumaça, entre as cidades de Bento Gonçalves e Carlos Barbosa, com parada em Garibaldi. São duas horas de viagem a bordo de uma locomotiva do século 20, com degustação de vinhos e apresentações de músicas italianas e gaúchas.

Culinária na Serra Gaúcha

Café colonial

Uma das principais atrações da Serra Gaúcha é a gastronomia. Com raízes nas culturas alemãs e italiana, a comida servida em restaurantes e hotéis da região conquista a todos. Destaque para os cafés coloniais, com pães caseiros, geleias, embutidos, cucas e muito mais. Outra especialidade da serra são os chocolates artesanais. E como é tradição no Rio Grande do Sul, nada melhor do que um bom churrasco! As carnes mais pedidas são de boi e cordeiro, acompanhadas de farinha de mandioca e arroz de carreteiro.

Onde comprar na Serra Gaúcha

Aproveite sua viagem para a Serra Gaúcha para fazer compras nas simpáticas lojas das cidades, que vendem uma grande variedade de produtos, como roupas, calçados e souvenires. Conheça a Tomasini Malhas, Casa da Pele Cema, que vende artigos de couro, a Sapatus (calçados), Fragram (perfumes) e Cristais de Gramado. Se você é um chocólatra, então nossa dica é procurar a Chocolate Caseiro da Prawer e a Chocolate Caseiro Caracol.

Fonte: CVC Destinos

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s